Lista de casamento

Um dos maiores contratempos para quem está decidido a se casar é a lista de casamento. São várias as dúvidas que passam na mente neste momento. O que pedir? Pra quem pedir? Quem irá comparecer? Como não pedir demais? Como não pedir de menos?

Apesar de todas essas dúvidas, montar a lista de casamento é ideal para não ter necessidade de comprar muita coisa pós casamento e tampouco ganhar presentes repetidos de várias pessoas e ter aquele monte de pratos e talheres que nunca serão usados e depois vai ser preciso doar para outros membros da família ou alguma instituição de caridade.

Atualmente, uma das melhores opções para montar uma lista de casamento coerente é acessar um dos sites de compra pela internet (e-commerce) por exemplo ponto frio, extra ou magazine luiza e montar a sua própria lista de casamento. Para isso, basta preencher seu cadastro, ver quais são as opções de sugestão para presente de casamento e evitar as surpresas desagradáveis.

Se você quiser fazer uma lista personalizada de presentes de casamento, leve em consideração o número de pessoas que estará presente, a verba que eles possuem para o casamento, e, claro, o que vocês querem ganhar (prioridades).

Coloque no papel quem comparecerá à festa e planeje a partir daí. Além disso, após ter essa idéia dos presentes, você saberá quais serviços você precisará contratar, tais como buffet, garçons, som, iluminação, etc.

Dica: para uma divisão justa de convidados, a família da noiva tem direito de chamar 25% dos convidados, a família do noivo 25% dos convidados e o casal tem direito a 50% do restante dos convidados.

Dica 2: Não se esqueça que o casamento é um momento que ficará marcado para sempre na vida do casal, então é bom que os convidados devem ser pessoas que fizeram ou fazem parte do relacionamento. A festa é extremamente familiar. As pessoas a serem convidadas devem ser do convívio diário, pessoas que tem significado na vida de ambos.

Para que isso seja possível, será necessário um sacrifício desagradável para as partes. Estamos falando de cortar algumas pessoas da lista de convidados. Momento desagradável, mas necessário. É claro que queremos sempre que a maior quantidade de pessoas possível compareça. Mas é necessário uma verdadeira lapidação dos nomes a serem colocados nos convites de casamento. Pense naquelas pessoas mais distantes, mas priorize sempre sua família. Lembre-se que alguns amigos que você pode estar convidando ao invés de familiares podem não estar com vocês dentro de algum tempo, ao contrário de sua família.

Veja também:


Deixe seu comentário: